Símbolos Egípcios

em 3 de julho de 2019



Egito

Cruz ansata, olho de Hórus, fênix, escaravelho, pena, serpente, gato, pirâmide e tyet.

Falar no Egito nos remete a imagem das grandes pirâmides, Gizé, Cleópatra, Faraó, Esfinge, Tutancâmon, Nefertiti, papiros, realeza, Cairo, rio Nilo, deserto, Ramsés, Moisés, hieróglifos, as dez pragas do Egito, a Múmia.

Grande parte da cultura e arte egípcia foram fortemente moldadas de acordo com as tradições religiosas. Dessa forma, os seus símbolos eram usados como amuletos de proteção, a maioria deles relacionados aos deuses, à espiritualidade, à vida, aos sentimentos, à natureza e à política.

O país tem uma das mais longas histórias entre qualquer outra nação, traçando sua herança até o VI ou IV milênio a.C.

Considerado um berço da civilização, o Egito Antigo viu alguns dos primeiros desenvolvimentos da escrita, agricultura, urbanização, religião organizada e governo central. Monumentos icônicos como a  Necrópole de Gizé e sua Grande Esfinge, bem como as ruínas de Mênfis, Tebas, Carnaque e do Vale dos Reis, refletem este legado e continuam a ser um foco significativo de interesse científico, histórico e turístico.

O Egito foi um dos primeiros e importantes centros do cristianismo, mas foi amplamente islamizado no século VII e continua sendo um país predominantemente muçulmano, embora com uma significativa minoria cristã.


https://br.pinterest.com/genianealves7/simbologia-eg%C3%ADpcia/




Topo Astrologia